SERRA GAÚCHA

BENTO GONÇALVES

Rodeados por montes, colinas, vales e rios, são 24 os municípios que integram a rota Uva e Vinho. O Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, que se destaca pelo legado dos imigrantes italianos e pela produção do vinho fino, que é o único do país a apresentar o Selo de Denominação de Origem. O Vale Trentino, localizado na fronteira dos municípios de Farroupilha e Caxias do Sul, também tem videiras cultivadas com o típico sotaque véneto dos imigrantes venezianos que se instalaram na região. Na Rota dos Espumantes em Garibaldi, os turistas podem provar o champanhe produzido segundo os métodos charmat e champenoise, e também visitar as seis empresas vinícolas do município para mais detalhes sobre esta rica e longa tradição. As cidades que integram a rota oferecem boas opções de estadia em hotéis, pousadas e em pequenos spas de vinho, ideais para passeios a dois. A prova de vinhos nas vitiviniculturas da região é uma das atividades mais procuradas pelos visitantes.

CANELA

Repleta de flores durante todo o ano, com ipês amarelos e roxos, lírios, azáleas e hortênsias com cores inesquecíveis, a Rota Romântica integra 13 cidades situadas entre a planície do Vale dos Sinos e o planalto da Serra Gaúcha. Estas regiões têm em comum a influência alemã dos colonos que ali se estabeleceram no século 19. O passeio apresenta casas em estilo bávaro e enxaimel, onde as festas populares com muita cerveja, as feiras de artesanato e as apresentações de grupos folclóricos são apenas algumas das atrações. Os cafés coloniais são uma das opções de gastronomia mais procuradas. Partindo de São Leopoldo e terminando em São Francisco de Paula, o itinerário para as caminhadas passa por diversas cidades. As baixas temperaturas também são uma atração da região, que podem descer abaixo de zero durante o inverno em algumas cidades.

GRAMADO

Com forte influência alemã, Gramado é uma cidade cheia de charme e romantismo. Ela possui todos os elementos de uma cidade europeia: flores e jardins, arquitetura enxaimel, o clima frio e a culinária típica germânica. Com 34 mil habitantes, a cidade possui uma excelente estrutura turística. A alta temporada acontece em julho e agosto, quando a população da cidade aumenta muito.

DICAS

  • Gastronomia gaúcha: A qualidade e a variedade de oferta são dois pontos fortes na culinária gaúcha. Os traços multiculturais da sua gastronomia são a herança das várias etnias que colonizaram a região.
  • As vitiviniculturas gaúchas oferecem uma atividade que muitos turistas apreciam em particular os que têm interesse em enologia: cursos e workshops rápidos sobre a produção e prova de vinhos.
  • Ao visitar Gramado os turistas têm a oportunidade de observar os mestres vidreiros em atividade, além de assistir a uma apresentação que narra a história do cristal e envolve o público no processo de produção.
TOP